7 de fev de 2013

Para você.

E a gente pensa em quanto tempo passou. 48 meses. Não vou fazer aquela conta infinita de quantas semanas, quantos dias, quantos minutos, pois tenho certeza de que em algum momento cometeria um erro bem idiota de matemática. Sendo assim, fico nos 48 meses. Esse é o tempo oficial que demos as mãos e decidimos que a partir daquele momento seríamos um pelo outro. 

E eu sei que nem todos os dias foram lindos. Sei também que esses 48 meses fizeram - me amar as suas qualidades, mas também fizeram com que eu visse mais de perto também os seus defeitos e não vou dizer que amo todos eles, pois acho isso um pouco absurdo demais, não amo nem os meus. Mas você também deve ter visto os meus, visto meus momentos de ira e insanidade (há), enfim todo o meu lado obscuro... e agradeço por ter insistido e focado nas coisas boas. 

Hoje, posso te dizer que te enxergo de uma forma bem realista. Sei o que te faz feliz, sei o que te deixa com olhos de tigre, o que te faz virar um bicho ou o Hulk (vc vai entender), sei o que te toca a alma, sei que você é um homem de verdade. E isso não está nos seus músculos diariamente cultivados (pode continuar malhando que eu gosto também rs), isso está no seu coração. Conhecer o seu coração, posso lhe dizer que foi a coisa mais bonita que eu vivi com você nestes 48 meses. 

Continuo apaixonada por você.

2 comentários:

Oscar disse...

Ah,q lindo..parabens..=D
Vc é de ferro,pq o du não é fácil não..rssrrs
Muitas felicidades pra vcs,e que todas essas coisas boas continuem acontecendo e reacontecendo..
bjoo

C. disse...

Tks pelos votos Oscar!

Olha o Du não é fácil, vc sabe disso há mais do que eu haha! Eu tbm não sou uma flor haha ... Têm valido a pena "entre tapas e beijos" haha!
Beijo