9 de fev de 2012

Estava lendo reportagens aleatórias na internet quando me deparei com uma matéria de uma blogueira americana que conta ter recebido solicitação de amizade no facebook de um agressor que a estuprou quando ela tinha 14 anos. Claro, ela não aceitou o pedido mas disse ter conversado um pouco com o rapaz e aquilo lhe serviu como uma sessão de terapia. A blogueira conta que o agressor mostrou-se arrependido e perguntou se poderia ajudá-la em alguma coisa. E, é aí que ela termina o diálogo com a seguinte frase: "Basta tomar conta de suas filhas. Apenas as ame para que elas se valorizem. E também ensine seu filho que não siginifica não."
Depois te terminar de ler a matéria fiquei com um nó na garganta, pois poxa a menina tinha 14 anos...sofreu um trauma e ao aconselhar o seu próprio agressor com essa reflexão mostra que ainda existe gente que acredita que as coisas podem melhorar algum dia e que o ser humano pode ser realmente humano.

Um comentário:

Oscar disse...

ha quem ainda acredite no mundo,ha quem ainda acredite nas pessoas..
coragem de verdade é isso aí,o resto é brincadeira de criança mimada