19 de jan de 2012

E aí você escuta a porta do banheiro sendo empurrada com tudo e depois de um minuto de desespero agradece por terem inventado a tranca (e, principalmente pela sua cabeça ter se lembrado de trancá-la). P.S.: Eu sei que vir até aqui vir falar disso não é grande coisa, mas é o que temos pra hoje!