19 de out de 2010

Me doeu demais esperar um pouco para não passar ao teu lado na catraca, mas quando eu menos espero dã...Me doeu demais fingir que eu não te conhecia.

Nenhum comentário: