21 de mar de 2010

Como sentir

Meu pai hoje me disse que eu estou muito instável. Pode ser verdade.Ontem acabaria tudo, a noite te amei mais que nunca e hoje tudo muda de novo.Devo estar instável mesmo. Sinto que é verdade. Comecei o dia ontem chorando baixinho na academia, chorei como se não houvesse amanhã. Chorei por que pensei que teria que deixar vc, por pensar em nós, em nossas longas discussões. Chorei por estresse, pelo TCC, pelo serviço, pela gastronomia, pelo curso de letras e pelo interior. Chorei por pensar em tanta coisa tida como certa, mas que na verdade ainda dançam na minha mente. Chorei de sentar e soluçar. Chorei de lavar a alma. Tentando imaginar como seria ter que ficar sem vc de uma hora para outra, chorei mais ainda quando pensei isso. E chorei até ficar contente. Chorei até esquecer o motivo que me fez chorar. Chorei e cheguei a uma conclusão: Só o hoje me basta. Não quero mais tentar espiar o amanhã. Amanhã pode dar tudo errado ou tudo certo, mas sempre terá o amanhã do amanhã. E ponto.

P.S.: Acho mesmo que eu te amo... logo eu que me vangloriava por não chorar por homem.

Nenhum comentário: