31 de mar de 2010

Sabe, na verdade, eu queria por um momento me teletransportar para a minha vida daqui a uns 10 anos. Veria onde eu estaria morando, trabalhando, com que quem eu casei, do que eu tive que abrir mão, do que eu não consegui abrir mão, quem estará por perto.....nossa são muitas as coisas que eu queria poder dar uma espiada....Acho que ficaria  tão mais fácil decidir algumas coisas hoje. 
Como vcs podem ver eu estou em uma fase de ???? sem fim....Sabe quando parece que tudo aquilo que vc tinha por certo, por sua realidade mudou? Hoje ao menos não tenho certeza de quase nada e a sensação é horrível... e as pessoas a sual volta não te dão nenhum sinal, não ajudam em nada. Sabe aquela ajuda subliminar que diz :" Fica tranquila, vc ainda não percebeu que aq é o caminho mesmo??". Pior que pelo contrário...tudo que acontece a minha volta me tira mais ainda do prumo...me fazem ver caminhos diferentes, desconexos com a tal da realidade de hoje.


" Qual é a paz que eu tenho que abrir mão pra tentar ser feliz????"

E tudo o que eu penso é: E agora José???

28 de mar de 2010

"A beleza e a tristeza da vida podem estar em situações como esta: descobrir, tarde demais, que se ama uma pessoa. Pode acontecer até com quem está ao nosso lado neste instante. Parece que é um amor morno e sem graça, e que se acabar, tanto faz, e só daqui a muitos anos descobrir que nada era mais forte e raro do que este sentimento. Tarde demais é uma expressão cruel. Tarde demais é uma hora morta. Tarde demais é longe à beça. Não é lá que devemos deixar florecer nossas descobertas."

Quem tem um sonho não dança meu amor - Cazuza

(NIETZSCHE)




VOCÊ VIVE HOJE UMA VIDA QUE GOSTARIA DE VIVER POR TODA A ETERNIDADE?

Sobre hoje


- Sinto que minha vida diária não tem importância, que eu deveria estar fazendo algo diferente. Por quê?
- Quando estiver comendo, coma. Quando sair para um passeio, ande. Não diga "eu deveria estar fazendo algo diferente". Quando estiver lendo, dê a isso a sua atenção completa, seja um romance policial, uma revista, a Bíblia, seja o que for. Atenção completa é atenção completa e, portanto, não há essa de "eu deveria estar fazendo algo diferente". Só quando estamos desatentos é que surge o sentimento de "pelo amor de Deus, eu tenho de fazer alguma coisa melhor". Se dá atenção completa quando está comendo, isso é ação. O importante não é o que fazemos, mas se podemos dar a isso total atenção. Por atenção, não quero dizer algo que aprendemos através de concentração na escola ou na empresa, mas observar com nosso corpo, nossos nervos, nossa visão, nossos ouvidos, nossa mente, nosso coração _inteiramente. Se fizermos isso, haverá uma mudança enorme em nossa vida. Algo exigirá toda nossa energia, vitalidade, atenção. A vida exige essa atenção a todo minuto, mas fomos tão treinados em desatenção que procuramos sempre escapar da atenção para a desatenção. Dizemos "como é que vou observar? Eu sou preguiçoso". Seja preguiçoso, mas totalmente atento à preguiça. Seja totalmente atento à desatenção. Saiba que está totalmente desatento. E quando souber que está inteiramente atento à desatenção, estará atento.

Trecho do livro A Humanidade Pode Mudar?, em que o pensador indiano Jiddu Krishnamurti (1895-1986) responde perguntas de estudiosos e adeptos do budismo

?

Comofaz quando você vai ao oftalmo reclamando de dores de cabeça constantes / vistas embaçadas e ele diz que seu grau aumentou, MAS não o suficiente para essas dores e logo em seguida pergunta:
 - O que você estuda?
- Administração (juro que tentei fazer cara de normal)
- Você precisa é fazer alguma coisa de que você goste! Essas dores vem do estresse menina...Vai fazer alguma coisa que goste!


E agora? Tá bom Doutor, eu sei, ano que vem que me aguarde....

Sábados.

É este o meu dia preferido... sempre dá aquela sensação de "tenho o domingo ainda, antes da segunda"!

25 de mar de 2010

Queria que não fosse para vc!


Parando pra pensar eu não consigo me lembrar quando foi que eu e minha mãe ficamos assim tão distantes. Dói escrever isso. Por que quando eu escrevo, eu admito. Eu admito que senti inveja da mãe e filha vindo juntas aqui no shopping e as duas leves e aparentemente em uma relação de mãe / amiga. Eu admito que sinto vontade de conversar sobre tanta coisa com ela, mas é só eu fazer uma tentativa e ver ela me cobrando mais do que me escutando que eu volto a estaca zero. Eu admito que isso anda doendo muito em mim, por que não estou vivendo uma fase simples e precisava tanto dela, queria tanto contar com ela. Eu admito que queria que ela fosse minha melhor amiga.

Admito que queria que ela me entendesse igual a época em que eu era boba e tinha tantos medos (?)... era só lhe contar meus medos que tudo parecia desaparecer no ar. Admito também que queria ver ela leve e despreocupada comigo e com minha irmã, por que ela já deveria saber que ela não precisa estar ao nosso lado 100% do dia para garantir que não façamos bobagens. (Mas, por favor, deixe a gente fazer algumas bobagens também).

Acho que toda filha tem um espaço reservado na mente nomeado "mãe"...e é aí que mora quase todos os perigos ou quase todas as soluções para a vida da filha. O meu espaço está completo mãe. Guardo cada palavra que me disse até hoje... Só preciso de espaço para saber se uso contra ou ao meu favor (Parece coisa de louco, mas isso faz todo o sentido). Mãe, sinto sua falta . E sei que a culpa por essa distância não é só sua ou só minha. É nossa. É minha. É minha por que escolhi o caminho mais fácil: o de não falar o que eu sinto. O de sempre achar que você está me sufocando. E o de passar a ter medo do que você vai achar, no sentido de dependendo do que eu fale, eu seja tachada por você. Também vivo usando o cansaço como desculpa, evitar.
Cheguei em um ponto em que penso em contar uma coisa, mas você irá querer sabe tudo, sempre... logo de mim, que de tempos em tempos não aguento nem as minhas próprias perguntas, eu que de tempos em tempos gosto de me sentir sozinha. Gosto de ser cuidada, mas nem sempre. Gosto mais é de fazer parte, ser lembrada...Isso eu gosto.E também é sua por achar que para estarmos seguras você tem que saber todos os nossos passos e pensamentos e por ultimamente só deixar que sua vida gire em torno do nosso mundo, que vez ou outra insiste em querer se esconder. É responsabilidade demais estar 100% do tempo nos pensamentos e no foco de visão de alguém. É pesado demais.
E eu simplesmente não aguentei.Minha vontade é ver você fazendo alguma coisa que goste de verdade.Por você. Só por você.Mas aqui, hoje, eu não quero saber de culpa ou inocência. Hoje eu só quero dizer que não quero mais me sentir assim.

Hoje eu vou dizer que preciso de você. E muito. Hoje eu só quero dizer que não quero sentir o tempo passar e ir levando a mãe e a filha que somos. Hoje eu só tenho vontade de dizer que sinto sua falta e que ela só aumenta a cada dia, por mais pequenino que seja o nosso apartamento. Hoje eu só quero dizer que te amo.

UPDATE: Acabei de voltar do seu quarto e de receber um abraço apertado como há tempos não dava e não recebia e com aquele choro contido... e a gente se entendeu ... dizemos uma ou duas frases uma para a outra, mas foi o suficiente para que a gente entendesse o que uma queria dizer para a outra... Ela é a minha mãe. Minha pessoa preferida e eu não vou desistir dela nunca, nunca vou desistir de ter a mãe que eu amo.

21 de mar de 2010

Como sentir

Meu pai hoje me disse que eu estou muito instável. Pode ser verdade.Ontem acabaria tudo, a noite te amei mais que nunca e hoje tudo muda de novo.Devo estar instável mesmo. Sinto que é verdade. Comecei o dia ontem chorando baixinho na academia, chorei como se não houvesse amanhã. Chorei por que pensei que teria que deixar vc, por pensar em nós, em nossas longas discussões. Chorei por estresse, pelo TCC, pelo serviço, pela gastronomia, pelo curso de letras e pelo interior. Chorei por pensar em tanta coisa tida como certa, mas que na verdade ainda dançam na minha mente. Chorei de sentar e soluçar. Chorei de lavar a alma. Tentando imaginar como seria ter que ficar sem vc de uma hora para outra, chorei mais ainda quando pensei isso. E chorei até ficar contente. Chorei até esquecer o motivo que me fez chorar. Chorei e cheguei a uma conclusão: Só o hoje me basta. Não quero mais tentar espiar o amanhã. Amanhã pode dar tudo errado ou tudo certo, mas sempre terá o amanhã do amanhã. E ponto.

P.S.: Acho mesmo que eu te amo... logo eu que me vangloriava por não chorar por homem.

17 de mar de 2010

Medos

Sabe do que eu senti medo hoje:  de ser aquela que não deu certo, sabe? Aquela que fez faculdade e não trabalha na area. Aquela que começou mil cursos e não se achou em nenhum. Aquela que o máximo cargo conseguido com um curso técnico e faculdade foi como recepcionista. Aquela que não. Aquela que ficou para trás. E pensei. Pensei. Doeu. 


16 de mar de 2010

"Pq do tempo que se passa se resgata pouco... Do tempo perdido não se resgata nada"


Escutei em um filme por aí e a única coisa que consigo pensar é: Poutz, tenho tanta coisa ainda pra viver, pra fazer e fico perdendo tempo resmungando!?


Chega, reclamações só aqui e em qtdes moderadas, sob outros prismas!

14 de mar de 2010

...

Eu estava feliz. Bem, de verdade. E disse isso pra vc. E vc, oq fez? Parece que fez questão de tentar tirar isso. Não sei o que acontece realmente com vc. Eu sei que as coisas para vc não são fáceis e que muitas das vezes vc espera muito mais do que eu posso te oferecer. Eu sei disso. E eu sei que isso mais cedo ou mais tarde iria complicar mais ainda. Acho triste, injusto. E hj me senti péssima, de verdade. Acho injusto comigo também. Acho que se a gente não consegue conciliar as vontades, nada faz sentido...tem alguma coisa errada. Sempre um ou outro sai frustrado. Eu não quero isso. Na verdade, eu saio frustrada quando não faço o que vc quer e quando penso em fazer aquilo que vc quer. E não adianta vim com o discurso de que: - olha só vc não quer nd! Eu sabia!
Não, não me venha com essa... pq se vc tem dificuldades com isso eu tenho também, no corpo e no coração. 
Uma coisa que eu sempre disse para vc é que não quero q fique comigo, tendo a impressão de que está perdendo algo, deixando de fazer alguma coisa... e acho que isso está acontecendo. Seja verdadeiro com vc tbm! Vc me culpa por não querer e eu te culpo por ficar jogando isso na minha cara. 
Uma coisa que está ficando mais fácil pra mim é saber o que eu quero, como eu quero. E não quero tomar por padrão oq os outros estão fazendo para tentar achar a tal felicidade. A minha está aq comigo, eu só tenho que saber para onde levá -la... e eu não quero uma felicidade instantanea, talvez por isso esteja sendo tão, mas tão complicado...
Me perdoe por desligar hoje, mas o que vc me disse não fez nada bem aqui dentro.

12 de mar de 2010

Dia de folga.

Uma das coisas que tenho por hábito fazer quando acho que preciso organizar minha mente é arrumar o meu armário. Afinal, ainda ele é o único espaço que é só meu na casa, tenho essa sensação. Faz muito bem pra alma...pra vida! E no final, a impressão que fica é a de que tudo tem jeito, tudo vai se arrumar. Mais cedo ou mais tarde. E para isso só é preciso jogar algumas coisas fora para que se possa dar lugar as novas! ´E reconfortante. Muda o meu dia. 

10 de mar de 2010

Tudo

Que eu precisava hoje era escutar essa... essa sua delicadeza!
Dizer que eu tenho que deixar para lá a minha vontade de fazer outra faculdade, uma que eu goste mesmo e me esforçar para arranjar um trabalho em ADM, e não de Recepcionista, como eu sou! E mais, se eu não quero, por que eu não largo (justamente agora que estou no último ano...isso é conselho que se de para alguém que está se esforçando para acabar o curso, não deixar para lá, pois acredita que ele vai te ajudar em algo, algum dia)?
Ah, esse seu tom não me agrada nem um pouco. 
Escute garoto: Certeza, eu só tenho daquilo que eu não quero. Todo o resto é possibilidade para mim.
Eu não vou desistir! Não vou desistir do que eu quero para mim, pois ninguém ve a paisagem que eu tenho na minha mente...mas eu vejo e é por ela que eu vou até o fim...

" Eu não vim até aqui pra desistir agora..."

Hoje eu vejo que

Vendo um texto lá de 2007, um dos meus primeiros no blog, onde eu dizia que ia no bar da facul e não  bebia cerveja... tive um comentário que dizia: Aprende a beber menina...bar sem cerveja não combina!

Eu pensava: Imagina, besteira!

Eh Cristiane, as coisas mudam, mudam....

8 de mar de 2010

Olhar

Eu acho que deveria ser proibido ver tristeza nos olhos de crianças e idosos. Eu acho não, eu tenho certeza.

Ver um idoso sendo demitido depois de nove anos não é fácil... ver que a pessoa não tem valor para um lugar, sendo facilmente substituido, sem nenhuma consideração... Poxa, e a família, e seus planos, sua aposentadoria e sua auto estima? ´E triste ver um homem ficar desempregado e assumir que as coisas não estão nada fáceis. ´E triste ouvir ele dizer que está decepcionado e que o queimado de sol no seu rosto é pura e simplesmente de dias andando pela cidade procurando emprego. 
´E difícil acreditar em um lugar, em um negócio, quando vc ve que tudo está tão banalizado. ´E triste ver que eles se livraram de aposentá -lo. Foi triste ver a cena de hoje. Só para constar.
O que eu posso fazer por ele agora? Nada concreto, mas peço que Deus possa olhar por ele e por todos os olhos tristes que a gente ve por aí...

Sobre hoje.

To cheia de vontades, de sonhos e pela primeira vez em muito tempo, estou conseguindo me organizar para poder ter amanha, a vida, a paisagem que eu tenho aqui guardada na minha mente.
To mega preocupada em como eu vou resolver algumas questões amorísticas (nem existe essa palavra huhua)... Eu tenho desejos, vontades, vontade de te ver feliz e de também te descobrir, me descobrir, mas sinceramente não sei se quero iniciar isso agora. Bom, assim que eu tiver certeza eu vejo o que e como fazer, falar! E tudo é uma grande incógnita na minha vida... ontem eu disse pra vc que assim que é bom... não saber o que vai acontecer amanhã...mas já mude de idéia. Hoje, só por hoje eu queria me ver daqui a 5 anos...seria muito mais fácil decidir como agir hoje...mas como isso não é possível, eu espero ter um sonho ou algo do tipo que me de umas dicas!

7 de mar de 2010

Quando me amei ...

... de verdade , reformulei meu conceito de sucesso e a vida ficou mais simples. Ah quanto prazer isso me trouxe!

3 de mar de 2010

Cotidiano

Estou aqui lutando pra tentar fazer meu TCC, mas meus sonhos, meus pensamentos, meus planos não me deixam ficar no agora. Eu sei que enquanto não resolver o agora, não posso nem imaginar no amanhã, mas sinceramente parece tudo mais agradável quando vc se imagina fazendo uma coisa que vc gosta.
Sabe aquela sensação de aviso prévio? ´E assim que estou me sentindo... contando os dias... para algo incerto... mas meu Deus, que seja algo que eu não queira ir embora, correr desde o primeiro dia como tem sido até hoje. Não é ingratidão... se tem uma coisa eu aprendi com a terapia foi a entender que eu posso querer mais e melhor, que eu posso ser um pouco egoísta.
Não isso não tem nada a ver com amor. Tem a ver comigo.
Não pense vc que eu te esqueço no meio dos meus plano, sonhos. Vc de um jeito ou de outro faz parte dele.
E hoje eu estou no terceiro dia sem chocolate...só para constar.
Agora deixa eu voltar a falar sobre fusões e mimimi....