3 de dez de 2009

O que quero pra minha vida vai além do convencional: paz, amor e dinheiro no bolso.

Eu quero ter paz sim, mas não aquela coisa morta e pasma que te deixa envolta em uma bolha de paz cintilante.
Eu quero a paz na agitação, sabe aquele clima de que você pode fazer várias coisas....de que se você quiser, você pode começar tudo de novo.
Aquela paz que te garante que se achar que deve você pode fazer uma segunda faculdade que não complemente (visto de fora) a sua primeira formação de Administração. 
Mas quero ter a paz para sentir que se estiver no emprego certo, no lugar certo, a segunda faculdade pode ser só um hobby.
Quero ter paz para usar toda a minha força e argumentos para conseguir aquilo que quero.No entanto, se aquela discussão não for levar a nada e eu perceber que as barreiras estão fora do meu controle... quero ter a paz de esperar o meu momento, a hora em que eu poderei agir por mim mesma.
Eu quero amor. Muito amor. Mas não aquele amor que está comigo só quando o posso tocar, e sim aquele amor que está nos meus pensamentos todo  instante, toda hora que encontrar uma coisa boa na vida. O contrário, quero que seja recíproco.
Não quero um amor de carne. Não só de pele. Quero um amor que quando me tocar, eu consiga sentir todo o  amor que construímos. E que não tenha simplesmente a impressão de que há "um corpo estranho" em mim....Há!
Quero um amor para ter sonhos juntos  planejar viagens na última hora. Quero um amor para que olhemos juntos na mesma direção.
Eu quero um amor que me deseje sempre, assim como eu quero desejá-lo e que eu sinta que somos os dois de corpo e mente.
Quero um amor para fazer coisas que temos vontades. Não digo loucuras, por que não quero ter a "necessidade" de fazer as coisas que todos estão fazendo e que é "cool"...Quero poder fazer o que realmente eu quero.... Quero cama, motel  e praia sim...quero em cima da cama, debaixo da escada...mas quero sentir a Cristiane alí, por inteira...
Quero muita coisaaa , por isso ...

Um comentário: